Oportunidades Abertas nos Concursos da Polícia Militar de Minas Gerais para Soldados e Oficiais

A Polícia Militar de Minas Gerais (PM-MG) está convocando aspirantes para se juntarem às suas fileiras através de dois concursos distintos: um para o Curso de Formação de Soldados e outro para o Curso de Formação de Oficiais. Com um total de 3.282 vagas disponíveis, esses concursos representam uma excelente chance para indivíduos comprometidos e qualificados começarem uma carreira na segurança pública.

Detalhes dos Concursos

  • Concurso para Soldados
    • Vagas: 3.102
    • Início das Inscrições: 01 de agosto de 2024
    • Término das Inscrições: 01 de setembro de 2024
    • Data da Prova: 20 de outubro de 2024
    • Salário Inicial: R$ 4.360,83
    • Divulgação dos Gabaritos: 21 de outubro de 2024
  • Concurso para Oficiais
    • Vagas: 180
    • Início das Inscrições: 17 de julho de 2024
    • Término das Inscrições: 17 de agosto de 2024
    • Data da Prova: 15 de setembro de 2024
    • Salário Inicial: R$ 7.175,30
    • Divulgação dos Gabaritos: 16 de setembro de 2024

Processo de Inscrição

Para ambos os concursos, as inscrições podem ser feitas online através do site oficial da PM-MG. Os interessados no Curso de Formação de Soldados pagarão uma taxa de R$ 101,00, enquanto aqueles que aspiram ao posto de Oficial pagarão R$ 220,00.

Requisitos

Os candidatos ao Curso de Soldados precisam ter diploma de ensino superior, CNH categoria “B”, e atender a critérios de idade, saúde e conduta moral. Para os Oficiais, é necessário um diploma de Direito, além dos mesmos critérios exigidos dos Soldados.

Fases do Concurso

Os candidatos serão testados em várias etapas, incluindo provas objetivas e dissertativas, avaliações psicológicas, exames de saúde e testes físicos. Os Oficiais também passarão por uma prova oral e de títulos, refletindo a natureza de suas responsabilidades futuras.

Locais e Datas das Provas

As provas serão realizadas em diversas grandes cidades de Minas Gerais, garantindo acesso a candidatos de todo o estado. A PM-MG está comprometida em fornecer um processo justo e transparente para todos os participantes.

Conclusão

Com a publicação do edital concurso PM MG Soldado e edital concurso PM MG Oficial, a PM-MG abre as portas para futuros profissionais que desejam servir e proteger a comunidade. Esses concursos não só oferecem uma entrada segura em uma carreira pública valorizada mas também asseguram que todos os candidatos tenham chances iguais de sucesso. Se você atende aos requisitos e está pronto para o desafio, prepare-se para fazer parte de uma das forças policiais mais respeitadas do Brasil.

Início das Inscrições para o Concurso do Tribunal de Justiça de Santa Catarina: Salários de Até R$ 9,4 Mil

O Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJ SC) abre oficialmente as inscrições para o seu mais recente concurso, que tem como objetivo criar um cadastro de reserva para uma série de cargos. As vagas disponíveis abrangem desde o nível médio até o superior, oferecendo remunerações entre R$ 5.515,07 e R$ 9.493,61.

Para todos os interessados, o processo de inscrição já está em andamento e continuará aberto até o dia 25 de abril, sendo necessário realizar a inscrição online pelo site da FGV, com uma taxa fixada em R$ 90,00. Além disso, os candidatos serão submetidos a uma prova objetiva, que está agendada para o dia 9 de junho de 2024, com sessões matutinas destinadas aos candidatos de nível superior e vespertinas para aqueles de nível médio.

É importante salientar que o edital do concurso do TJ SC permanecerá válido até 27 de março de 2024. Nesta oportunidade, foram disponibilizadas 2 vagas imediatas, além de posições em cadastro de reserva para funções como Analista de Sistema, Médico, Analista Administrativo, Assistente Social, Psicólogo e Técnico Judiciário Auxiliar.

Alocação de Vagas e Estrutura das Provas no Concurso TJ SC

O concurso do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJ SC) apresenta uma série de vagas em Cadastro de Reserva (CR) para diferentes níveis de escolaridade, com salários atrativos:

Cargos e Remuneração:

  • Nível Médio:
    • Técnico Judiciário Auxiliar: CR, Salário de R$ 5.515,07.
  • Nível Superior:
    • Analista Administrativo: CR, Salário de R$ 9.493,61.
    • Analista Jurídico: CR, Salário de R$ 9.493,61.
    • Assistente Social: CR, Salário de R$ 9.493,61.
    • Engenheiro Civil: CR, Salário de R$ 9.493,61.
    • Engenheiro Eletricista: CR, Salário de R$ 9.493,61.
    • Oficial de Justiça e Avaliador: CR, Salário de R$ 9.493,61.

Etapas do Concurso e Critérios de Avaliação:

A prova objetiva, agendada para 09 de junho, ocorrerá em dois turnos distintos, com candidatos de nível superior no período da manhã e de nível médio à tarde. A prova contará com 80 questões de múltipla escolha, divididas da seguinte forma:

  • Para Analista Administrativo, Assistente Social, Engenheiro Civil e Engenheiro Eletricista:
    • Língua Portuguesa: 24 questões.
    • Noções de Direito: 10 questões.
    • Legislação Interna: 6 questões.
    • Conhecimentos Específicos: 40 questões.
  • Para Analista Jurídico, Oficial de Justiça e Técnico Judiciário:
    • Língua Portuguesa: 25 questões.
    • Legislação Interna: 15 questões.
    • Conhecimentos Específicos: 40 questões.

Critérios de aprovação variam por cargo, exigindo uma pontuação mínima tanto em Conhecimentos Específicos quanto no total geral das questões.

Critérios de Desempate: Em situações de empate nas notas, será dada preferência ao candidato que:

  1. Tenha 60 anos ou mais, de acordo com o Estatuto do Idoso.
  2. Alcance a maior nota em Conhecimentos Específicos.
  3. Tenha atuado como jurado, conforme legislação vigente.
  4. Se o empate persistir, será priorizado o candidato mais velho.

Esse conjunto de informações detalha a distribuição de vagas e o formato das avaliações no concurso do TJ SC, fornecendo aos candidatos uma visão clara do que esperar e como se preparar para as provas.

Inscrições Abertas para 2.700 Vagas de Soldado na PM SP

A Polícia Militar do Estado de São Paulo (PM SP) anuncia a abertura das inscrições para seu concurso PM SP 2024 destinado ao preenchimento de 2.700 vagas para o cargo de Soldado. Candidatos interessados têm até o dia 08 de maio para se inscrever através do site da organizadora FGV, com taxa de inscrição fixada em R$ 85,00. As avaliações estão programadas para serem realizadas no dia 16 de junho.

O concurso requer que os candidatos tenham ensino médio completo e não ultrapassem os 30 anos de idade, oferecendo um salário inicial de R$ 4.852,21. Adicionalmente, está prevista a publicação de um segundo edital com mais 2.700 vagas no segundo semestre do ano, e o gabarito preliminar do segundo edital de 2023 para o mesmo cargo já foi divulgado.

Além disso, o concurso para Oficial da PM SP também está em andamento com um novo edital autorizado para 200 vagas, cujas provas já foram realizadas e alguns resultados e convocações já foram anunciados. Esta seleção é organizada pela Vunesp e também exige ensino médio e idade máxima de 30 anos, com um salário de R$ 3.815,03.

Detalhes das Vagas Disponíveis

  • Cargo: Soldado
  • Vagas: 2.700
  • Salário: R$ 4.852,21, incluindo padrão de R$ 2.033,27, adicional do Regime Especial de Trabalho Policial (RETP) de R$ 2.033,27 e insalubridade de R$ 785,67.

Requisitos para o Cargo de Soldado

  • Nacionalidade brasileira;
  • Idade mínima de 17 anos e máxima de 30 anos, exceto para integrantes da PM SP;
  • Altura mínima de 1.55m para mulheres e 1.60m para homens;
  • Ensino médio completo;
  • Habilitação para condução de veículo motorizado entre as categorias “B” e “E”.

Processo Seletivo do Concurso Os candidatos passarão por várias etapas avaliativas, incluindo:

  • Provas de Conhecimento com questões objetivas e dissertativas, ambas de caráter eliminatório e classificatório;
  • Testes de Aptidão Física, Saúde e Psicológicos, todos eliminatórios;
  • Avaliação de Conduta Social, Reputação e Idoneidade, e Análise de Documentos, também eliminatórios.

As provas objetivas serão compostas por 60 questões de múltipla escolha, abrangendo Língua Portuguesa, Matemática, Conhecimentos Gerais, Noções básicas de Informática e Noções de Administração Pública. Para a prova dissertativa, será requisitada uma redação.

A etapa de Aptidão Física incluirá testes de flexão e extensão de cotovelos, resistência abdominal, corrida de 50 metros e de 12 minutos. Por fim, a Avaliação da Conduta Social, Reputação e Idoneidade focará na análise da vida pregressa e atual do candidato em diferentes aspectos sociais e morais.

Os exames de conhecimento serão aplicados em 51 municípios, a serem escolhidos no ato da inscrição.

TCE-GO Anuncia Concurso para 2024 com 52 Vagas de Analista e Salários de Até R$ 12 mil

O Tribunal de Contas do Estado de Goiás (TCE-GO) divulgou na última segunda-feira (19) o edital do concurso TCE GO 2024. O concurso oferece 52 vagas para profissionais com formação de nível superior, destinadas ao cargo de Analista em várias especialidades. Os interessados poderão inscrever-se no período de 26 de fevereiro a 08 de abril, e as provas estão previstas para serem realizadas no dia 16 de junho.

Vagas Disponíveis:

O TCE-GO busca profissionais qualificados para preencher os seguintes cargos de Analista de Controle Externo:

  • Especialidade em Ciências Contábeis: 8 vagas disponíveis, com salário de R$ 12.006,97.
  • Área Geral de Controle Externo: 22 vagas abertas, com remuneração de R$ 12.006,97.
  • Especialidade em Engenharia: 8 vagas, com salário de R$ 12.006,97.
  • Área Jurídica: 10 vagas disponíveis, cada uma com um salário de R$ 12.006,97.
  • Especialidade em Tecnologia da Informação: 4 vagas, com remuneração de R$ 12.006,97.

Ao todo, são 52 oportunidades para candidatos que possuam educação superior, todas oferecendo salários competitivos e a chance de atuar no TCE-GO em diferentes áreas de especialização.

Processo de Inscrição:

Candidatos interessados em participar do Concurso TCE-GO 2024 podem se inscrever seguindo um procedimento simples e direto:

  1. Acesse o site da Fundação Getúlio Vargas em https://conhecimento.fgv.br/concursos/tcego24, disponível a partir das 16h do dia 26 de fevereiro até as 16h do dia 08 de abril de 2024.
  2. Complete o formulário de inscrição que aparecerá na tela e siga as orientações para submeter sua inscrição.
  3. Uma vez enviado o formulário, um Boleto Bancário será gerado automaticamente. Este boleto deve ser impresso e pode ser pago em qualquer banco ou via online banking. É crucial que o candidato guarde o comprovante de inscrição.
  4. Note que a responsabilidade por inscrições não recebidas por problemas técnicos ou de comunicação não é do TCE-GO nem da FGV.
  5. O pagamento da taxa de inscrição deve ser realizado até o dia 09 de abril de 2024. Este é o primeiro dia útil após o encerramento do prazo de inscrição.
  6. Após as 16h do dia 08 de abril, o acesso ao formulário de inscrição não será mais possível.

Isenção da Taxa de Inscrição:

Elegibilidade para Isenção: Conforme a Lei estadual nº 19.587, de 10 de janeiro de 2017, candidatos que atendem a certos critérios de renda familiar ou que são beneficiários de programas de transferência de renda podem solicitar isenção da taxa de inscrição.

Critérios para Isenção: Candidatos com renda familiar abaixo de 2 salários mínimos, comprovada por documentos de rendimento ou evidência de participação em programas de transferência de renda, são elegíveis.

Documentos Necessários: Os interessados devem apresentar uma declaração de renda familiar e comprovantes de rendimento de todos os membros da família, além de outros documentos exigidos pelo edital.

Outras Condições para Isenção: Pessoas que são doadoras regulares de sangue, medula óssea ou leite materno também têm direito à isenção, seguindo os critérios estabelecidos.

Como Solicitar Isenção: O pedido de isenção pode ser feito entre as 16h do dia 26 de fevereiro e as 16h do dia 28 de fevereiro de 2024. Os candidatos devem fazer a solicitação através do site oficial do concurso e estar preparados para fornecer toda a documentação necessária.

Fases do Processo Seletivo:

Prova Objetiva

O concurso TCE-GO 2024 inclui duas etapas principais de avaliação, sendo elas a Prova Objetiva de múltipla escolha e a Prova Discursiva, ambas programadas para ocorrer no dia 16 de junho de 2024, conforme o horário de Brasília/DF.

A primeira etapa, a Prova Objetiva, será realizada no período matutino, das 08h às 13h. Posteriormente, no período vespertino, das 16h às 18h, os candidatos realizarão a Prova Discursiva.

É importante observar que os locais de prova serão fechados 30 minutos antes do início de cada período, ou seja, às 07h30 para a prova da manhã e às 15h30 para a prova da tarde. Não será permitida a entrada de candidatos após esses horários.

Os endereços dos locais de prova serão publicados no site oficial do concurso, https://conhecimento.fgv.br/concursos/tcego24, a partir do dia 10 de junho de 2024. Cada candidato é responsável por verificar seu local de prova e comparecer no horário estipulado, sob pena de eliminação do concurso em caso de ausência.

A Prova Objetiva para a função de Analista de Controle Externo consistirá em 100 perguntas de escolha múltipla, divididas entre conhecimentos gerais e específicos. A nota máxima será de 80 pontos, com 48 pontos dedicados a conhecimentos gerais e 32 pontos a conhecimentos específicos.

Prova Discursiva

A segunda etapa, a Prova Escrita Discursiva, compreenderá a resposta a duas questões de estudo de caso, cada uma relacionada ao conteúdo específico da área de especialização escolhida pelo candidato. Cada resposta deverá ter, no máximo, 20 linhas.

Cada questão da Prova Discursiva valerá até 10 pontos. Os critérios de avaliação serão divulgados após a realização da prova, através de um espelho de correção, em um momento oportuno.

Esta fase do concurso tem o objetivo de avaliar não apenas o conhecimento teórico dos candidatos, mas também sua habilidade de aplicar esse conhecimento na solução de problemas práticos inerentes à área de atuação para a qual se inscreveram.

Os caminhos de Gisele Bündchen: a vida pós-separação

Os caminhos de Gisele Bündchen: a vida pós-separação

Gisele separou

Gisele Bündchen, a renomada supermodelo brasileira, tomou há pouco mais de um ano a difícil decisão de se separar do astro do futebol americano Tom Brady, surpreendendo o público e os fãs ao redor do mundo. Essa notícia impactante marcou o fim de uma era, mas também o início de uma nova jornada para o modelo icônico. 

O fim de uma união notável

Após anos de uma união admirada por muitos, Gisele Bündchen e Tom Brady anunciaram sua separação de maneira respeitosa e discreta. Este capítulo encerrou uma fase significativa de suas vidas, e o público se questiona sobre os motivos por trás dessa decisão.

A vida sob os holofotes e seus desafios

Gisele e Tom viveram sob uma intensa exposição midiática ao longo de suas carreiras. A pressão constante e os holofotes da fama podem ser desgastantes para qualquer relacionamento, e a supermodelo brasileira não foi imune a esses desafios. As expectativas, especulações e intromissões na vida pessoal podem ter contribuído para a complexidade dessa jornada conjunta.

A jornada pessoal de Gisele Bündchen

gisele-bündchen

Além de sua carreira notável, Gisele sempre foi reconhecida por sua busca constante de mudanças e autodescobrimento. Sua jornada pessoal pode ter influenciado a dinâmica do relacionamento, à medida que ambos evoluíram como indivíduos ao longo do tempo.

A coparentalidade positiva como prioridade

Apesar da separação, Gisele e Tom assumiram um compromisso notável com a co-parentalidade positiva. Priorizando o bem-estar de seus filhos, eles buscam garantir uma transição suave para essa nova fase de suas vidas. Essa atitude madura reflete o respeito mútuo e o compromisso contínuo com a família.

O Futuro de Gisele Bündchen

À medida que Gisele embarcava em um novo capítulo de sua vida, o público aguardava com expectativa para ver como o supermodelo continuaria a moldar seu legado. Seja no mundo da moda, filantropia ou novas empreitadas, Gisele permanece uma figura inspirada e um exemplo de força e determinação.

Um adeus ao passado, um olá ao futuro

A separação de Gisele Bündchen e Tom Brady é um lembrete de que, mesmo para os ícones, uma vida é repleta de desafios e transformações. À medida que Gisele trilha seu caminho em direção a um novo futuro, o mundo a observar com respeito e admiração, ansiosa para testemunhar os próximos capítulos da história desse notável supermodelo brasileiro.

 

Ana Hickmann sabia que devia R$ 40 milhões e fingiu que não

Ana Hickmann sabia que devia R$ 40 milhões e fingiu que não

caso-ana-hickmann

Ana Hickmann, uma personalidade proeminente na mídia brasileira, encontra-se diante de um intricado cenário financeiro, com dívidas consideráveis ​​que totalizam cerca de R$ 40 milhões, relacionadas à sua empresa em parceria com Alexandre Corrêa.

O imperativo de superar essa situação resultou na formação de uma equipe estratégica de reestruturação econômica, composta por nomes de destaque como o ex-ministro Paulo Guedes, o empresário Roberto Justus e Danielle Marques, ex-presidente da Caixa Econômica Federal.

O anúncio dessa reestruturação, compartilhado por Ana Hickmann em suas redes sociais no final do ano passado, não apenas revelou a necessidade de “arrumar a casa e brilhar ainda mais”, mas também indicou a confiança depositada na equipe selecionada para liderar o processo de assessoria . 

Cada membro desse tempo desempenha um papel fundamental: Paulo Guedes, com sua notável experiência econômica, assume a posição de membro do conselho e acionista principal; Roberto Justus, empresário experiente, participa como sócio; e Danielle Marques contribui como membro do conselho executivo, trazendo consigo sua experiência valiosa da Caixa Econômica Federal.

Paralelamente, Alexandre Corrêa iniciou uma ação de recuperação judicial, enfrentando desafios significativos. O advogado Enio Martins Murad, representando Corrêa, busca urgentemente obter os documentos necessários para a ação, confrontando a restrição imposta pela medida protetiva solicitada por Ana Hickmann, que impede o acesso de Corrêa à empresa.

ana-hickmann

A medida protetiva, aplicada em novembro do ano passado pela apresentação, foi fundamentada em relatórios de posse de arma por parte de Corrêa. A busca policial subsequente, realizada em seu apartamento na capital paulista, não foi comprovada em evidências substanciais. No entanto, Corrêa destaca que a empresa enfrenta dificuldades financeiras, justificando a ação de recuperação judicial como essencial para evitar a falência.

Além de antecipar os efeitos da recuperação judicial, a ação busca suspender processos de execução em curso e instaurar processos de mediação e arbitragem. A complexidade do quadro jurídico é destacada pela autorização judicial para visitas de Corrêa ao filho, Alezinho, na presença de terceiros, uma medida destinada a mitigar possíveis impactos negativos na criança durante o processo em andamento na Vara de Família.

A história do casal público também envolve um episódio de violência doméstica, registrado por Ana Hickmann. Um boletim de ocorrência por lesão corporal e violência doméstica foi feito após uma discussão em novembro. Corrêa confirma o incidente, detalhando uma discussão acalorada, mas nega agressões físicas.

Em meio a essas adversidades, Ana Hickmann e Alexandre Corrêa são ativos na busca de soluções econômicas e judiciais para superar os desafios que se apresentam. Este capítulo desafia suas vidas pessoais e empresariais destaca a importância de uma abordagem estratégica para navegar pelas complexidades legais e financeiras que agora definem sua jornada. 

Segundo Guinho Santos do RD1 , essa busca incansável por soluções sinalizando a determinação do casal em enfrentar e superar os obstáculos, em busca de um novo capítulo de estabilidade e crescimento.

 

Concurso CBM RJ 2024: Oportunidade para Oficiais

O edital do Concurso CBM RJ 2024 foi publicado em 19/01, oferecendo 50 vagas efetivas para o cargo de Oficial. Este concurso requer nível médio de escolaridade e apresenta um cronograma com inscrições programadas entre 26/02/2024 e 04/03/2024, com provas marcadas para 21/04/2024.

Detalhes do Concurso:

Aqui estão os principais detalhes sobre o concurso, incluindo informações sobre vagas, salários e requisitos de escolaridade:

  • Cargo: Oficial
  • Vagas: 50
  • Salário Inicial: R$ 4.227,16
  • Escolaridade Mínima: Ensino médio completo

Requisitos Básicos:

Para ser elegível ao cargo de Oficial, os candidatos devem cumprir os seguintes requisitos:

  • Ter concluído o ensino médio ou equivalente em estabelecimento de ensino civil ou militar, conforme a legislação vigente.
  • Possuir no mínimo 18 anos de idade no ato da matrícula em curso de formação.
  • Ter até 32 anos de idade no dia da abertura das inscrições do concurso público, considerando a data até o dia anterior ao 33º aniversário do candidato(a).

Inscrição no Concurso:

As inscrições estarão abertas das 16h do dia 26 de janeiro de 2024 até as 16h do dia 04 de março de 2024. Os interessados podem se inscrever pela internet, acessando o site link.

Taxa de Inscrição:

Para candidatos ao cargo de Oficial, a taxa de inscrição é de R$ 64,99.

Isenção de Taxa:

Candidatos que se enquadrem nas hipóteses previstas nos incisos I e II do art. 1º do Decreto nº 6.593, de 02 de outubro de 2008, e no inciso II do art. 1º da Lei nº 13.656, de 30 de abril de 2018, podem solicitar isenção da taxa de inscrição. Isso inclui candidatos economicamente hipossuficientes inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal – CadÚnico, conforme o Decreto no 6.135, de 26 de junho de 2007, que sejam membros de famílias de baixa renda, além de doadores de medula óssea em entidades reconhecidas pelo Ministério da Saúde, conforme a Lei nº 13.656/2018.

Etapas do Concurso:

O concurso será realizado em duas fases distintas:

Primeira Fase – Prova Objetiva:

  • A prova objetiva será aplicada no dia 21 de abril de 2024, das 13h às 18h, no Rio de Janeiro.
  • Composta por 100 questões de múltipla escolha.
  • Disciplinas incluem Língua Portuguesa, Língua Estrangeira (inglês) e Literatura, Matemática, História, Geografia, Filosofia, Sociologia, Química, Física e Biologia.
  • Será considerado aprovado o candidato que obtiver, no mínimo, 50 acertos.

Segunda Fase:

  • Compreende Teste de Aptidão Física, Inspeção de Saúde e Exame Documental, todas de caráter eliminatório.
  • As etapas da segunda fase serão supervisionadas pelo CBMERJ.
  • Inclui testes de corrida, natação, flexão e extensão de membros superiores e abdominais.

Esta é uma excelente oportunidade para ingressar na carreira de Oficial no Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro. Prepare-se para as etapas do concurso e siga em busca desse desafiador e nobre objetivo.

Concurso Nacional Unificado: 6.640 Vagas e Oportunidades Imperdíveis!

O Concurso Nacional Unificado, carinhosamente chamado de “ENEM dos Concursos”, lançou oficialmente seus editais, oferecendo um total de 6.640 vagas imediatas em várias autarquias e ministérios. Este megaconcurso é dividido em oito editais/blocos temáticos e inclui oportunidades em diferentes níveis de escolaridade.

Oportunidades de Destaque:

Vagas para Auditor-Fiscal do Trabalho com salário impressionante de R$ 22,9 mil. Oportunidades para Especialistas em diversas agências reguladoras. Posições como Pesquisador no IBGE. Cargos de Especialista em Políticas Públicas e muito mais.

Esta é a oportunidade que você estava esperando para dar um salto em sua carreira!

Datas Importantes:

Inscrições do Concurso Nacional Unificado disponíveis a partir de 19 de janeiro. Prazo final para inscrições em 09 de fevereiro. Não deixe para a última hora. Provas agendadas para 05 de maio, um domingo, em mais de 200 cidades em todo o Brasil.

Inscrições:

Acesse a plataforma Gov.br e faça login em sua conta. Preencha os formulários de inscrição, seguindo as orientações detalhadas no edital. Escolha a carreira desejada, dividida em blocos temáticos. Anexe os documentos exigidos conforme especificado no edital. Efetue o pagamento da taxa de inscrição, variando de acordo com o nível de escolaridade.

Candidatos isentos do pagamento incluem aqueles no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico), beneficiários do Fies ou ProUni, e quem passou por transplante de medula óssea.

Vagas:

São oferecidas 6.640 vagas imediatas em oito blocos temáticos. Todas as vagas, exceto do bloco 8, exigem formação de nível superior. Candidatos podem concorrer a múltiplos cargos dentro do mesmo bloco, não entre blocos.

Bloco 1 (Infraestrutura, Exatas e Engenharias) Órgãos Cargos Quantidade de vagas
AGU Arquiteto e Engenheiro (várias especialidades) 23
ANEEL Especialista em Regulação de Serviços Públicos de Energia 10
FUNAI Especialista em Indigenismo (especialidades: Engenharia e Arquitetura) 21
IBGE Analista de Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Informações Geográficas e Estatísticas (várias especialidades) e Tecnologista em Informações Geográficas e Estatísticas (várias especialidades) 134
INCRA Analista em Reforma e Desenvolvimento Agrário (várias especialidades) 128
MAPA Analista em Ciência e Tecnologia 02
MCTI Analista em Ciência e Tecnologia (várias especialidades) 51
MGI Analista de Infraestrutura – AIE (várias especialidades), Arquiteto, Engenheiro e Especialistas em Políticas Públicas e Gestão Governamental – EPPGG 357
MS Tecnologista 02
Bloco 2 (Tecnologia, Dados e Informação) Órgãos Cargos Quantidade de vagas
AGU Estatístico 07
FUNAI Especialista em Indigenismo 01
IBGE Analista de Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Informações Geográficas e Estatísticas (várias especialidades), Tecnologista (várias especialidades) e Pesquisador (várias especialidades) em Informações Geográficas e Estatísticas 122
INCRA Analista administrativo 06
INEP Pesquisador-Tecnologista em Informações e Avaliações Educacionais 20
MAPA Analista em Ciência e Tecnologia 20
MCTI Analista em Ciência e Tecnologia 19
MGI Analista em Tecnologia da Informação – ATI, Analista Técnico de Políticas Sociais – ATPS, Especialistas em Políticas Públicas e Gestão
Governamental – EPPGG, Estatístico 347
MS Tecnologista 32
PREVIC Analista administrativo 06
Bloco 3 (Ambiental, Agrário e Biológicas) Órgãos Cargos Quantidade de vagas
FUNAI Especialista em Indigenismo (várias especialidades) 39
IBGE Pesquisador (várias especialidades) e Tecnologista (várias especialidades) em Informações Geográficas e Estatísticas 29
MAPA Auditor-fiscal federal agropecuário (várias especialidades) e Tecnologista 240
INCRA Analista em Reforma e Desenvolvimento Agrário e Engenheiro Agrônomo 176
MCTI Analista em Ciência e Tecnologia 13
MGI Analista de Infraestrutura – AIE (especialidade: Geociências) e Especialistas em Políticas Públicas e Gestão Governamental – EPPGG (especialidade: Ambiental, agrário e biológicas) 35
Bloco 4 (Trabalho e Saúde do Servidor) Órgãos Cargos Quantidade de vagas
AGU Médico e Psicólogo 13
FUNAI Especialista em Indigenismo (especialidade: Psicologia) 6
MGI Analista Técnico de Políticas Sociais – ATPS, Especialistas em Políticas Públicas e Gestão Governamental – EPPG, Médico e Psicólogo 52
MTE Auditor-Fiscal do Trabalho – AFT 900
Bloco 5 (Educação, Saúde, Desenvolvimento Social e Direitos Humanos) Órgãos Cargos Quantidade de vagas
AGU Técnico em Assuntos Educacionais (especialidade: Pedagogia) 20
FUNAI Especialista em Indigenismo (várias especialidades) 206
IBGE Analista de Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Informações Geográficas e Estatísticas (especialidade: Psicopedagogia), Pesquisador (especialidade: Demografia) e Tecnologista (especialidade: Demografia) em Informações Geográficas e Estatísticas 04
INCRA Analista em Reforma e Desenvolvimento Agrário (especialidade: Antropologia) 58
INEP Pesquisador-Tecnologista em Informações e Avaliações Educacionais 10
MCTI Analista em Ciência e Tecnologia (especialidade: Ciências Humanas e Políticas Públicas) – cargos para 21
MGI Analista Técnico Administrativo (especialidade: História), Analista Técnico de Políticas Sociais – ATPS (MGI, MJSP, MDHC, MEC), Especialistas em Políticas Públicas e Gestão
Governamental – EPPGG e Técnico em Assuntos Educacionais 490
MS Tecnologista (várias especialidades) 177
MPI Analista Técnico Administrativo 30
Bloco 6 (Setores Econômicos e Regulação) Órgão Cargos Quantidade de vagas
AGU Economista 35
ANEEL Especialista em Regulação de Serviços Públicos de Energia 30
ANS Especialista em Regulação de Saúde Suplementar 35
ANTAQ Especialista em Regulação de Serviços de Transportes Aquaviários 30
FUNAI Especialista em Indigenismo (especialidade: Economia) 24
IBGE Analista de Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Informações Geográficas e Estatísticas (especialidade: Relações Internacionais), Tecnologista (especialidade: Economia) e Pesquisador (especialidade: Economia) em Informações Geográficas e Estatísticas. 37
INCRA Analista em Reforma e Desenvolvimento Agrário (especialidade: Economia) 05
MCTI Analista em Ciência e Tecnologia 26
MGI Economista, Especialistas em Políticas Públicas e Gestão
Governamental – EPPGG – 42
MDIC Analista de Comércio Exterior – ACE e Economista 60
MPO Economista 15
PREVIC Especialista em Previdência Complementar 25
Bloco 7 (Gestão Governamental e Administração Pública) Órgãos Cargos Quantidade de vagas
AGU Administrador, Analista Técnico Administrativo, Arquivista, Contador e Técnico em Comunicação Social 302
IBGE Analista de Planejamento, Gestão e Infraestrutura em Informações Geográficas e Estatísticas (várias especialidades) e Tecnologista em Informações Geográficas e Estatísticas (várias especialidades) 275
FUNAI Especialista em Indigenismo (várias especialidades) 55
INCRA Analista Administrativo (várias especialidades), Analista em Reforma e Desenvolvimento Agrário 369
INEP Pesquisador-Tecnologista em Informações e Avaliações Educacionais 20
MCTI Analista em Ciência e Tecnologia (várias especialidades) 149
MAPA Analista em Ciência e Tecnologia 18
MinC Analista Técnico-Administrativo 50
MGI Analista Técnico Administrativo, Arquivista, Bibliotecário, Contador, Especialistas em Políticas Públicas e Gestão
Governamental – EPPGG e Técnico em Comunicação Social 297
MJSP Analista Técnico Administrativo 100
MS Tecnologista (especialidade: Administração, Contabilidade, Economia ou Estatística) 09
MDIC Analista Técnico-Administrativo 50
MPO Analista Técnico-Administrativo 45
PREVIC Analista Administrativo 09
Bloco 8 (Nível Intermediário) Órgãos Cargos Quantidade de vagas
IBGE Técnico em Informações Geográficas e Estatísticas 300
FUNAI Técnico em Indigenismo 152
MAPA Agente de atividades agropecuárias, Agente de inspeção sanitária e industrial de produtos de origem animal e Técnico de laboratório 240

Reserva de Vagas:

O concurso reserva vagas para pessoas com deficiência, negras e indígenas (exclusivamente para vagas da FUNAI). As cotas são distribuídas da seguinte forma: 5% para pessoas com deficiência, 20% para pessoas negras e 30% das vagas da FUNAI para pessoas indígenas.

Locais de Prova:

As provas ocorrerão em 220 cidades, abrangendo todas as regiões do Brasil. Distribuição por regiões: Norte (41 municípios), Nordeste (61 municípios), Centro-Oeste (22 municípios), Sudeste (69 municípios) e Sul (27 municípios). A escolha dos locais considerou critérios como densidade populacional, raio de influência microrregional e facilidades de acesso.

Etapas Avaliativas:

A avaliação dos candidatos no CNU inclui três etapas.

  • 1ª Etapa:

1ª fase: Provas objetivas e dissertativas (caráter classificatório e eliminatório).

2ª fase: Perícia médica (avaliação biopsicossocial) para candidatos com deficiência (caráter eliminatório).

3ª fase: Verificação da condição declarada para concorrer às vagas reservadas para candidatos negros (caráter eliminatório).

4ª fase: Confirmação da condição declarada para concorrer às vagas reservadas para candidatos indígenas (somente FUNAI) (caráter eliminatório).

  • 2ª Etapa: Avaliação de títulos (caráter classificatório).
  • 3ª Etapa: Curso de formação específico (caráter classificatório e eliminatório).

Concurso SEAP PR: Oportunidades de Carreira com 253 Vagas e Salários Atraentes

Edital Republicado

Cargos e Remunerações

  • Agente Profissional: 203 vagas, com salário inicial de R$ 4.231,60 e R$ 634,74 de Auxílio Alimentação. (Requisito: Nível superior)
  • Agente de Execução: 50 vagas, com salário inicial de R$ 7.616,88 e R$ 634,74 de Auxílio Alimentação. (Requisito: Nível médio ou profissionalizante)

Inscrições e Taxas

  • Período de inscrições: de 05 de fevereiro a 07 de março.
  • Os candidatos podem se inscrever diretamente no site da banca organizadora, Instituto AOCP.
  • Taxas de inscrição: R$ 130,00 para nível superior e R$ 90,00 para nível médio.

Provas

  • As provas objetivas, de caráter eliminatório e classificatório, serão realizadas no dia 14 de abril, no período da tarde.
  • As provas ocorrerão em diversas cidades, incluindo Cascavel/PR, Curitiba/PR, Francisco Beltrão, Guarapuava/PR, Londrina/PR e Umuarama/PR.
  • A prova objetiva consistirá em 50 questões, divididas em:

Conhecimentos Gerais

  • Língua Portuguesa: 8 questões.
  • Raciocínio Lógico: 5 questões.
  • Legislação: 7 questões.
  • Conhecimentos Específicos: 30 questões.

Principais Datas do Concurso SEAP PR

  • Inscrições: 05 de fevereiro a 07 de março.
  • Isenção da taxa: 05 a 09 de fevereiro.
  • Último dia para pagamento da taxa de inscrição: até 08 de março.
  • Realização da prova: 14 de abril (período da tarde).

Funções Disponíveis

  • Agente Profissional: Uma ampla variedade de funções, incluindo Administrador, Analista de Procuradoria, Assistente Social, Bibliotecário, Comunicador Social, Contador, Desenhista Industrial Gráfico, Economista, Engenheiro em diversas áreas, Estatístico, Médico, Nutricionista, Pedagogo, Profissional de Tecnologia da Informação, Psicólogo, e Terapeuta Ocupacional.
  • Agente de Execução: Funções como Fiscal de Meio Ambiente, Fiscal Metrológico, Técnico de Enfermagem, Técnico de Laboratório, Técnico de Manejo e Meio Ambiente, e Técnico de Segurança do Trabalho.

Prepare-se bem e aproveite essa oportunidade única de ingressar na SEAP PR e construir uma carreira de sucesso!

Preparando o Terreno: Estratégias para o Dia da Prova em Concursos

O dia da prova em concursos públicos é um momento crucial que pode determinar seu sucesso. Para enfrentá-lo com confiança, é essencial ter estratégias sólidas. Neste artigo, exploraremos como lidar com a ansiedade pré-prova e ofereceremos dicas para uma organização eficaz e logística tranquila. Este é o seu guia para garantir que seu desempenho corresponda ao seu conhecimento geral.

Lidando com a Ansiedade Pré-Prova

A ansiedade é uma reação comum antes de um exame importante. Abordaremos técnicas para lidar com a ansiedade, como a prática de exercícios de respiração, o estabelecimento de uma rotina de relaxamento e a importância de uma boa noite de sono. Manter a calma é fundamental para um desempenho sólido.

Dicas para o Dia da Prova, Organização e Logística

A organização no dia da prova é crucial para evitar surpresas desagradáveis. Discutiremos como planejar sua chegada ao local da prova, o que levar consigo, como gerenciar o tempo durante a prova e a importância de seguir as instruções cuidadosamente. Estar bem-preparado é a chave para o sucesso.

Conclusão:

O dia da prova é o momento culminante de seus esforços de preparação. Com estratégias para lidar com a ansiedade e uma organização cuidadosa, você pode enfrentar o desafio com confiança. Lembre-se de que a prova é a oportunidade de mostrar eficácia em responder pergunta sobre conhecimento geral e sua preparação. Mantenha-se focado e calmo para alcançar o sucesso.